Publicações

Jornal RIMA – DF

Sobre o jornal RIMA-DF

 

O jornal REPÓRTER  INTERCULTURAL MESTRE D’ARMAS BRASILIENSE – RIMA-DF, propriedade da APLAC, funciona regularmente desde 2010 e sempre circulou com tiragem de mil exemplares.

De acordo com dispositivos de nosso Regimento Interno, o RIMA-DF é parte do Projeto BIBLIONDAS!!

O BIBLIONDAS é um projeto da APLAC destinado a organizar-se como Observatório de Releituras da Diversidade Cultural e Ancestralidade de Saberes no Norte do Distrito Federal e Entorno (RIDE-DF), buscando a valorização/democratização do acesso ao livro e à leitura, a difusão cultural e educativa em Mídias Sociais (Educomunicação Comunitária) e a realização de ações itinerantes que tenham contato e efeito direto com a população (opinião pública em comunidades locais).

O Regimento Interno da APLAC prevê como LINHA EDITORIAL do Microprojeto RIMA-DF:

  1. – A valorização do Patrimônio Histórico-cultural e Socioambiental do Distrito Federal e Entorno (RIDE-DF);
  2. – A Diversidade das Expressões Culturais (Artes, Letras, Ciências, Outros Fazeres e Saberes Locais);
  3. – A Sustentabilidade do Desenvolvimento Local e Regional Integrado, Comunitário, Inclusivo e Democrático;
  4. – Assuntos que gerem Repercussão Cultural relevante para o Macroterritório Mestre d’Armas-DF Norte;
  5. – A análise crítica das Políticas Públicas Culturais, contextualizada em sua interface com a Educação Básica;
  6. – Diálogo de Saberes (segundo conceito de Enrique Leff), conciliando a valorização simultânea do Binômio Epistemológico Erudito X Popular ou Tradicional;
  7. – A contextualização de temas que possam ser abordados em sala de aula visando contribuir com o debate sobre problemas contemporâneos que dinamizem novas práticas de ensino;
  8. – Outras abordagens pautadas pelo Conselho Editorial (instituído pela Diretoria desta Entidade), que deve funcionar com independência (autonomia intelectual sem censura prévia) e transparência/isenção nos enfoques;

Edições

 

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Verifique também

Fechar
Fechar